Conferência de Ciências e Artes dos Videojogos

23 e 24 de Novembro - Lisboa

A Conferência de Ciências e Artes dos Videojogos realiza-se este ano nos dias 23 e 24 de Novembro, sendo organizada pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e pela Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos.

As conferências da Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos realizam-se anualmente e são um encontro para promover a cultura científica, a investigação e a indústria de videojogos em Portugal. Estas conferências contam com a participação de investigadores e profissionais da área dos videojogos, para divulgação de trabalhos e troca de experiências entre a comunidade académica e a indústria em articulação com o espaço Lusófono.

A 9ª Conferência da Sociedade Portuguesa de Ciências dos Videojogos é recebida este ano pela Escola de Comunicação, Arquitectura, Artes e Tecnologias da Informação da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, na qual se pretende a contribuição multidisciplinar de diferentes áreas científicas à semelhança do saber fazer da emergente indústria de videojogos. Com o tema principal “Videojogos como forma de Arte” esperamos envolver a comunidade científica e profissional do sector para a realização de um evento de destaque e que possa reflectir o melhor que se faz em Portugal.

CHAMADA DE TRABALHOS

A conferência procura trabalhos originais, que se possam destacar como publicações de relevo na comunidade científica, De igual modo, espera-se uma participação conjunta da academia e indústria através da submissão de trabalhos de diferentes formatos (Full Paper, Short Paper, Poster, Demo, Apresentação).

Tópicos principais, mas não limitados a:

Arte, Estética e Design de Jogos Digitais

  • - Videojogos e transmedia (Cinema, Banda Desenhada, Artes Visuais, Música, Literatura, Publicidade)
  • - Narrativa, História e Personagens
  • - Concepção visual de espaços e personagens
  • - Animação e Efeitos Visuais
  • - Representação digital do Movimento
  • - Videojogos e Som
  • - Interface Design
 

Estudos de Jogos

  • - Ludologia
  • - Emoção e afetividade nos videojogos
  • - Estudos Sociais, Culturais e de Comunidades
  • - Modelos de Negócio e Exploração de Videojogos
  • - Género, Sexualidade e Videojogos
  • - Religião nos videojogos
  • - Videojogo como género emergente de Ficção Científica
  • - Ética e Videojogos
  • - Jogos de cartas e tabuleiro

Desenvolvimento de Jogos

  • - Jogos evolutivos: Geração procedural de conteúdos
  • - Programação e Videojogos
  • - Computação em Videojogos
  • - Prototipagem e Desenvolvimento de Videojogos
  • - Matemática, Física e AI
  • - Desenvolvimento para dispositivos móveis
 

Game-based Learning - Aprendizagem Baseada em Jogos​

  • - Videojogos e Educação
  • - Gamilficação
  • - Experiências com videojogos (comerciais ou sérios) no Ensino formal e Informal
  • - A criação de videojogos pela Audiência/Aprendentes
  • - Jogos e Educação: uma perspectiva histórica​
  • - Videojogos e literacia(s)
 

Imersão e Presença em Videojogos

  • - Realidade Virtual, Aumentada
  • - Media imersivo e simulação
  • - Sensações hápticas: Experiência de Jogo e Entretenimento
  • - Interface tangível: Dispositivos para interacção de jogos
  • - Interface, Interacção, Ergonomia e Usabilidade

KEYNOTE SPEAKERS

 

Patrícia Gouveia

(UL/FBAL)

APRENDER ATRAVÉS DOS JOGOS

24/11/2017

More info (PDF)

Catarina Runa

(Deloitte Digital)

Unlocking the power of Virtual Reality in Business

23/11/2017

More info (PDF)

Michael Liebe

(Booster Space/ VR Con Now)

23/11/2017

More info (PDF)

Ingrida Mazonaviciute

(Vilnius Gediminas Technical University)

Why you should be a psychologist to create better videogames?

More info (PDF)

Tanya Krzywinska

(Falmouth University)

More info (PDF)

Rui Antunes

MIRALab / BioISI, Fac. Ciências

From self-portraits to medieval simulations: computational artificial ecosystems as multi-contextual authoring tools

More info (PDF)

Nuno Fonseca

Sound Particles

All you need to know about 3D audio

More info (PDF)

VIDEOJOGOS 2017 - PROGRAMA

UPDATE 20 de Nov - Apresentações de trabalhos (Download PDF)
Quinta-feira 23 novembro 2017 Sexta-feira 24 novembro 2017
08:20-08:50 Registo
09:00-09:10 Sessão de Abertura
09:15-10:15 Michael Liebe (Booster Space/ VR Con Now) 09:15-10:00 John Klima (Noroff University College)
10:15-10:30 Coffee/Tea Time 10:15-11:15 Tanya Krzywinska (Falmouth University)
10:30-11:45 Sessões 1,2 e 3 (Apresentações de trabalhos) 11:15-12:00 Coffee/Tea Time
12:00-12:45 Nuno Fonseca (Sound Particles) 12:00-12:45 Ingrida Mazonaviciute (VGTU)
12:45-14:00 Almoço 12:45-14:00 Almoço
14:00-15:00 Rui Antunes (MIRALab) 14:00-15:00 Patrícia Gouveia (FBAUL)
15:15-16:30 Sessões 4,5 e 6 (Apresentações de trabalhos) 15:00-16:15 Programa Game Dev Camp
16:30-17:00 Coffee/Tea Time 16:15-16:45 Posters/Demos
17:00-18:15 Sessões 7,8 e 9 (Apresentações de trabalhos) 17:00-18:00 Catarina Runa (Deloitte Digital)
18:30 Chill Out Cocktail 18:00-18:30 Sessão de encerramento

SUBMISSÃO DE PROPOSTAS

Datas importantes:

Submissão de artigos: (15 de Outubro) 22 de Outubro (Nova Data)

Decisão da aceitação: 10 de Novembro

Conferência: 23 e 24 de Novembro

Aceitam-se artigos redigidos em Português e Inglês, nos quais os autores e instituições associadas devem estar omissos (Double Blind Review).

O formato que deve ser seguido é o do SIGCHI: - Template (http://st.sigchi.org/sigchi-paper-template/SIGCHIPaperFormat.docx).

A submissão de artigos apenas pode ser efectuada de forma electrónica, em formato PDF, através da plataforma Easychair.

Os trabalhos aceites serão publicados em formato e-book com ISBN. Os autores dos melhores artigos serão convidados a estender os seus artigos para publicação num dossier da Revista Lusófona de Educação* e num número especial da Revista de Ciências da Computação.

*Com indexação, tais como SCOPUS, SCIELO, AERES, REDALYC, LATINDEX, DOAJ, IBSS, BIBLIO SHS, CSA, EBSCO, PROQUEST, UNIVERSIA, e-REVIST@S

Os formatos aceites são:

  • • Full Paper;
  • • Short Paper;
  • • Poster;
  • • Demo;
  • • Apresentação de práticas/indústria;

Full papers: Os artigos completos devem ser submetidos até 15 de Outubro e estão limitados a 10 páginas. Os artigos completos devem apresentar uma contribuição inédita de relevo para o estado da arte. Sejam constituídos com pesquisa técnica, empírica ou prática, devem ser devidamente fundamentados com avaliações e respectiva investigação.

Short Papers: Artigos com o máximo de 4 páginas e que devem ser submetidos até 15 de Outubro.

Poster: De formato A1 com orientação vertical, o Poster deve respeitar regras de comunicação visual e design para apresentação pública em espaço da conferência.

Demos: A apresentação de demos/vertical slices devem ser acompanhadas de um resumo alargado de 1-2 páginas e serem apresentadas até dia 15 de Outubro. Estes resumos devem ser ilustrados com imagens da demo e apresentar o link para o acesso online à demo.

Apresentação de práticas/indústria: Abstract de 500 palavras com referências (links)

Prémios:

Melhor Artigo

Melhor Demo:

  • - Jogo Mais Inovador
  • - Jogo Mais Emocional
  • - Melhor Jogo Digital De Estudante
  • - Melhor Jogo Não-Digital De Estudante
  • - Prémio Público

REGISTO

A inscrição na conferência Videojogos 2017 é efectuada online, preenchendo o formulário de inscrição (Link) e submetendo todos os documentos necessários. Será requisitado o comprovativo da transferência bancária de acordo com os seguintes valores:

Estudantes: 30€ (35€ após 17 de Novembro)

Membros SPCV e CICANT: 90€ (110€ após 17 de Novembro)

Não-membros SPCV e CICANT: 110€ (130€ após 17 de Novembro)

A inscrição na Videojogos 2017 inclui:

  • - Acesso a todas as actividades da conferência
  • - Documentos, apresentações em formato digital
  • - Certificado de presença
  • - Almoços, Coffee breaks e concktail
  • - Estacionamento

Formulário de inscrição:

  • - No formulário preencha todos os dados obrigatórios - Formulário
- Para qualquer esclarecimento sobre o registo, contacte-nos para: Inês Teixeira (ines.teixeira@ulusofona.pt). 00352 217 515 500 - ext: 641

COMITÉ CIENTÍFICO

Presidência da Conferência
  • Daniel Cardoso (Chair)
  • Filipe Costa Luz (Chair)
Organização
  • Carla Sousa (ULHT)
  • Inês Teixeira (ULHT)
  • Célia Quico (ULHT)
Secretariado
  • Inês Teixeira (ULHT)
Suporte Técnico
  • Filipe Vale (ULHT)
  • Luís Santos (ULHT)
  • João Aguiar (ULHT)
  • Pedro Costa (ULHT)
Design do Website
  • Diogo Sousa (ULHT)
  • Paulo Ferreira (ULHT)
Design e Fotografia
  • Rute Muchacho (ULHT)
  • João Ferreira (ULHT)
  • Filipe Luz (ULHT)
  • Rodrigo Peixoto (ULHT)
Comissão Científica
  • Conceição Costa (ULHT/ECATI) – Chair
  • Ana Veloso (Univ. Aveiro)
  • André Carita (ULHT/ECATI)
  • Carlos Martinho (UL/IST)
  • Célia Quico (ULHT/ECATI)
  • Daniel Cardoso (ULHT / ECATI)
  • Duarte Duque (IPCA)
  • Ernesto Vilar (UBI)
  • Eva Oliveira (IPCA)
  • Filipe Costa Luz (ULHT/ECATI)
  • João Dias (Inesc-id)
  • Jorge Martins Rosa (UNL/FCSH)
  • José Neves (ULHT / ECATI)
  • Kathleen Tyner (da UT-Austin)
  • Leonel Morgado (UA)
  • Luís Cláudio (ULHT / ECATI)
  • Luís Filipe B. Teixeira (CIAUD)
  • Lynn Alves (UNEB)
  • Manuel José Damásio (ULHT/ECATI)
  • Mariana Vital (ULHT)
  • Micaela Fonseca (LIBPhys-UNL/Universidade Europeia)
  • Miguel Carvalhais (INESC-ID)
  • Nélio Codices (ULHT/Europeia)
  • Nelson Zagalo (UM)
 
  • Nuno Fachada (ULHT)
  • Nuno Rodrigues (IPCA)
  • Patrícia Gouveia (UL / FBAL)
  • Paulo Viveiros (ULHT/ECATI)
  • Pedro Gamito (ULHT / ECATI)
  • Pedro Serrazina (ULHT / ECATI)
  • Pedro Santos (IST)
  • Rui Prada (IST e INESC-ID)
  • Tiago Loureiro (ULHT)
  • Victor Flores (ULHT/ECATI)
  • (Lista em Actualização)

LOCALIZAÇÃO E ALOJAMENTO

Videojogos 2017 decorrerá em Lisboa, no Campus da Universidade Lusófona em Lisboa, entre 23 e 24 de Novembro de 2017.

Lisboa é uma das capitais da Europa que oferece maior hospitalidade aos seus visitantes através de um clima mediterrâneo que favorece um acolhedor ambiente para visitar grandes monumentos históricos, assim como vários teatros e museus. De igual modo, a universidade Lusófona encontra-se no centro de Lisboa, com acesso privilegiado a transportes e junto a um dos mais bonitos jardins da cidade.

Alojamento

A videojogos 2017 recomenda a escolha de um conjunto de hotéis próximos do campus da Universidade Lusófona por serem parceiros da conferência através da contribuição de um desconto ao valor da diária.

As reservas devem ser tratadas directamente com os hotéis, por email ou telefone e devem mencionar o registo na Videojogos 2017 para beneficiar das tarifas acordadas.

Preços por Quarto/noite com peq. Almoço incluído.

City tax não incluído – 1€ por Pessoa / noite

ORGANIZAÇÃO

ECATI / ULHT

Quem somos nós:

A Escola de Comunicação, Artes e Tecnologias da Informação (ECATI) da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias é este ano a instituição de acolhimento para Videogames 2017. Somos uma jovem e vibrante escola de comunicação, trabalhando em diversas áreas disciplinares em torno do tema da comunicação, com um foco claro sobre a exploração de novos territórios de convergência entre as ciências sociais, artes criativas e tecnologias de informação . Estamos muito satisfeitos em recebê-lo para Lisboa e esperamos que este seja um evento marcante a Ciência e Cultura dos videojogos.

Bem-vindo a Lisboa!

 

Universidade Lusófona

A Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias é a maior Universidade privada em Portugal e é parte integrante do subsistema particular e cooperativo do ensino superior português.

O nome da Universidade deriva da expressão "Lusofonia" que designa o espaço cultural e linguístico comum demarcado pelo uso da língua portuguesa. A Universidade Lusófona assume-se com a instituição responsável pelo desenvolvimento científico, cultural, social e económico deste espaço geográfico e linguístico com mais de 200 milhões de habitantes.

A Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias tem como missão central contribuir através das suas atividades de ensino e investigação para o desenvolvimento científico, cultural, económico e social de Portugal e de todos os países onde se fala a língua portuguesa.

Em ordem à prossecução destes objetivos a Universidade desenvolve atividades de formação, investigação e prestação de serviços nas mais diversas áreas do conhecimento relevantes para a sociedade, e procura constantemente e de forma ativa constituir-se como um parceiro válido e imprescindível para todos aqueles que, como ela, acreditam que a formação superior e o conhecimento são os principais elementos impulsionadores do desenvolvimento e progresso da nossa sociedade.

A Escola de Comunicação, Arquitectura, Artes e Tecnologias da Informação (ECATI) apresenta-se como um projecto universitário inovador no panorama português e no espaço europeu de ensino universitário.

Está dirigido ao desenvolvimento da formação em todos os níveis de ensino superior, licenciaturas, mestrados e doutoramentos, e para o qual dispõe de diplomas reconhecidos numa alargada área dos saberes já consolidadas e de novas disciplinas. Integralmente organizada segundo as regras do Tratado de Bolonha, a ECATI é uma unidade orgânica pioneira em Portugal ao articular no mesmo espaço científico, pedagógico e experimental os estudos em:

  • • Comunicação e Humanidades;
  • • Arquitectura, Urbanismo, Artes e Design;
  • • Multimédia, Cinema e Vídeo;
  • • Engenharia Informática e sistemas de informação.

A estratégia de formação da ECATI, altamente articulada, rigorosa e integrada, cria as condições necessárias e indispensáveis para que os estudantes possam responder criativamente aos desafios provenientes da sociedade de informação e do conhecimento. A tendência crescente para a globalização desaconselha a separação artificial da formação tecnológica e profissional, da formação nos diversos ramos das ciências da comunicação, bem como da formação em artes e design, à formação em sistemas de informação e em arquitectura, tendo como objectivo último a criação de um conjunto de sinergias ímpares no contexto nacional. No centro dos seus objectivos está o dotar os alunos com competências que lhe permitam a autonomia e a criação de novos saberes, tendo-se mostrado até agora como um local de grande empreendedorismo.

Sem nunca perder de vista a especificidade de cada área de saber, a ECATI constitui um espaço formativo de grande amplitude onde se fornecem diversos saberes complementares, tanto a nível horizontal, entre os diversos ciclos de estudos do mesmo nível, quer a nível vertical, na possibilidade de integração dos seus estudantes nos diversos graus que confere. Os seus estudantes obtêm uma formação que lhes possibilita fazer face, de forma excelente, a um espaço cada vez mais competitivo e alargado como é a Europa, não se descurando, todavia, de munir os alunos com conhecimentos que lhes permitam ter uma intervenção do espaço lusófono.

A ECATI alia a formação graduada e avançada, a investigação e a prestação de serviços à comunidade, o apoio à profissionalização e ainda a promoção de actividades culturais e científicas, procurando que estejam sempre em correspondência com as necessidades da sociedade civil. Um exemplo disso é a existência no seu seio de uma Incubadora Criativa e Tecnológica – PLAY – Projects Lab Alliance for You

Para cumprir os seus objetivos, a ECATI dispõe de uma equipa de docentes altamente qualificados e em formação permanente, bem como de três Centros de Investigação acreditados junto da Fundação para a Ciência e a Tecnologia: Cic.Digital/Pólo CICANT, Copelabs e LabArt, que cobrem as diversas áreas científicas da sua formação. A Escola dispõe ainda de três revistas científicas, Caleidoscópio: Revista de Comunicação e Cultura, Kino – international journal of film and media arts e Revista de Lusófona de Arquitectura e Educação.

Apoios